Ludicidade na Educação Infantil: por que é importante e como utilizar?

A ludicidade na Educação Infantil é uma ferramenta essencial que pode transformar o processo de aprendizagem. Saiba mais!


Crianças da Educação Infantil brincando enquanto aprendem.

É de conhecimento comum que brincar faz toda a diferença para as crianças. Por isso, os pais costumam permitir que elas brinquem todo o tempo em que não estão na escola. No entanto, a ludicidade na Educação Infantil também é importante.


Isso quer dizer que o momento de aprender, para as crianças, também é um momento de brincar. Pode parecer contraditório, mas os pequenos aprendem muito mais quando uma coisa é conciliada com a outra.


Você sabia que a ludicidade está prevista na BNCC?


Não é preciso deixar as brincadeiras só para depois da escola. Porém, é importante que os professores saibam direcionar esse aprendizado mais divertido.


Confira, abaixo, por que a ludicidade na Educação Infantil é essencial:


Por que a ludicidade na Educação Infantil é tão importante?


Quando falamos de ludicidade, estamos nos referindo à palavra “lúdico”, que está relacionada aos jogos, brincadeiras e faz-de-conta. Porém, a ludicidade não é apenas o brincar. Ela está relacionada com a espontaneidade e a autonomia das crianças.


Na verdade, as crianças não precisam de qualquer brinquedo ou instrução para fazer algo lúdico. Podemos perceber isso quando elas inventam histórias ou criam brincadeiras com qualquer objeto. A ludicidade está ligada a essa capacidade, e ao prazer associado a ela.


Quando falamos de ludicidade na Educação Infantil, estamos falando do uso dessas brincadeiras e jogos em sala de aula. Mas também estamos falando de incentivar essa autonomia criativa das crianças.


Saiba mais: Como as famílias podem auxiliar na aprendizagem por meio de brincadeiras!


Qual é a importância da ludicidade?


Quando crianças, ainda não temos compreensão de muitos conceitos que vão ficar mais claros com a idade. Ao mesmo tempo, muitas habilidades precisam ser aprendidas e desenvolvidas na infância.


Nesse caso, como ensinar sobre cooperação comunitária, tomada de decisões, resolução de problemas e outros assuntos complexos para crianças que ainda não sabem ler ou escrever?


O lúdico é uma grande ferramenta nesse sentido. Ele possibilita trabalhar questões mais complexas com uma linguagem que todas as crianças conseguem entender.


Competências socioemocionais são muito bem trabalhadas com a ajuda da ludicidade!


Além disso, brincar e jogar é uma oportunidade para treinar a motricidade. As crianças aprendem questões básicas sobre seus corpos sem precisarem de explicações detalhadas.


A ludicidade na Educação Infantil também se mostra uma grande ferramenta para estimular a criatividade e prender a atenção dos pequenos. É muito mais fácil para eles se sentirem compelidos a cooperar quando sabem que vão brincar.


Por fim, a ludicidade também estimula emoções positivas. E essas emoções ativam nossa capacidade de concentração. Sendo assim, o que é ensinado de maneira lúdica fica na memória das crianças por mais tempo.


Como utilizar a ludicidade na Educação Infantil?


Podemos ver que as brincadeiras e jogos fazem muita diferença na educação dos pequenos. Porém, como aplica-las em sala de aula para que, de fato, incentivem o aprendizado?


Confira algumas dicas abaixo:


Entenda o papel do professor


Ao pensar na importância do lúdico para o Ensino Infantil, podemos perder a referência do papel do professor. Se as crianças vão ficar brincando, ele é apenas um cuidador?


Na verdade, o papel do professor vai muito além disso. Ele precisa escolher essas brincadeiras de forma que elas potencializem o aprendizado. E também precisa orientar os alunos para que esse aprendizado seja constante.


Saiba mais: Como ser um professor inovador?


Explore os sentidos


Crianças são muito suscetíveis a aprender na prática. Elas gostam de colocar a mão na massa, sem medo de se sujarem. É fundamental explorar essa característica em sala de aula.


O professor pode ajudar a criança a conhecer melhor seus sentidos por meio de diversas brincadeiras. Por exemplo, fazendo as crianças adivinhar os animais pelo som, ou utilizando livros com texturas diferentes.


Saiba mais: Metodologias ativas na prática: 6 modelos para transformar suas aulas!


Assista ao vídeo sobre Cultura Maker:


Não fuja da tecnologia


Muitas escolas ainda temem utilizar a tecnologia com as crianças. Porém, a verdade é que mesmo o mais novo dos seus alunos já tem contato com as telas.


Utilizar a tecnologia na sala de aula aproxima o aprendizado da realidade do aluno. Por isso, busque por jogos, aplicativos, sites e vídeos que vão proporcionar mais momentos lúdicos em sala de aula.


Filmes também podem fazer parte do plano de aula!


A ludicidade na Educação Infantil não é apenas uma boa ferramenta: ela é essencial. Logo, não deixe de explorar todas as suas possibilidades, do digital ao analógico.


Assista ao vídeo sobre o assunto:


Material grátis: Gamificação no processo pedagógico!


O Blog da Faz Educação sempre se atualiza com o que há de mais recente na educação. Acompanhe!


Aproveite também o acesso liberado de todos os nossos Materiais Educativos Exclusivos!

511 visualizações0 comentário