Atenção dos alunos: 6 dicas para captá-la em vez de levantar a voz

Confira 6 dicas para captar a atenção dos alunos de maneira eficiente, sem precisar levantar a voz!

Atenção dos alunos: 6 dicas para captá-la em vez de levantar a voz

Saber captar e reter a atenção dos alunos é, provavelmente, a habilidade mais importante para os professores. Sem essa atenção, os alunos não conseguem aprender o que está sendo ensinado, e nem entender instruções de tarefas.

Mas como captar essa atenção em um grupo de muito alunos falando alto e fazendo outras coisas? Para muitos professores, levantar a voz é a primeira solução em mente. O problema é que ela não funciona.


Motive os alunos e transforme a sala de aula com as metodologias ativas. Saiba mais!


Os alunos não se importam com mais uma voz adicionada ao barulho. Já os professores, ficam frustrados e com dor de garganta. Por isso, em vez de levantar a voz, é preciso aprender novas estratégias para captar a atenção dos estudantes.


Confira, a seguir, nossas dicas:


6 dicas para captar a atenção dos alunos


Não precisa levantar a voz até o extremo e machucar suas cordas vocais à toa. Aqui estão seis dicas para chamar a atenção dos alunos de maneira mais fácil e mais eficiente:


1. Bater palmas


Muitas pessoas já fazem isso para chamar a atenção em situações específicas. Bater palmas faz barulho e, normalmente, faz a outra pessoa olhar para quem está batendo. Mas isso pode ser aprimorado para captar a atenção dos alunos.

Uma ideia interessante é pedir que os alunos batam palma quando você bater. Assim, sempre que quiser chamar a atenção, você pode bater palmas e esperar que eles façam o mesmo. O barulho também interrompe as conversas paralelas.


Material grátis: Guia completo para uma Gestão Escolar eficiente!


2. Toca aqui!


Uma técnica comum para chamar a atenção dos alunos é simplesmente levantar a mão e pedir que eles levantem também. A ação já costuma ser o suficiente para que eles olhem para o professor.


Porém, você pode tornar esse momento mais engraçado e dinâmico pedindo para que os alunos batam na sua mão. Essa técnica é legal para envolve-los no começo das aulas, ou na volta do intervalo, quando estão mais agitados.


Assista também esse vídeo sobre o Gerenciamento de Grupos em Sala de Aula:


3. Estalar os dedos


Isso pode funcionar como o bater palmas, mas tem um adendo que chama ainda mais a atenção dos alunos: estalar os dedos tem um som mais baixo e sutil. Por isso, os alunos precisarão ficar ainda mais quietos para reproduzir o som que você está fazendo.


4. Códigos


Como você pode ver acima, muitas das estratégias para captar a atenção dos alunos se baseiam em códigos. São movimentos e sons que você combina com os alunos previamente e espera que sejam repetidos durante as aulas.

Você pode fazer isso com qualquer tipo de código, inclusive os verbais. Combine frases que você começa e eles terminam, por exemplo. Músicas, gritos de guerra e rimas são boas ideias para tornar esses momentos menos tensos.


Jogos de linguagem podem ser incluídos nessa ideia. Confira algumas dicas aqui!


5. Cronômetro musical


Muitas vezes, a atenção dos alunos se dispersa por conta de uma atividade mais interativa e barulhenta. Unir classes, conversar com os colegas e fazer planos já são motivos o suficiente para o cérebro se desconcentrar.

Uma estratégia interessante para chamar a atenção, nesses casos, é colocar um cronômetro musical na atividade. Coloque uma música antes de começar e monitore o tempo que eles têm. Quando o tempo terminar, toque a música novamente.


Quer conhecer atividades lúdicas que podem ajudar a engajar os alunos? Leia este post.


Material grátis: As novas tecnologias para o novo normal na Educação Pública!


6. Sons ou luzes criativas


Por fim, a última dica para chamar a atenção dos alunos é ter sua própria marca registrada e ser criativo. Nem todas as técnicas funcionam em todas as turmas, mas ter algo que é só seu e ajuda seus alunos a entenderem que é hora de prestar atenção sempre funciona.


Alguns professores usam efeitos sonoros criativos, como buzinas, sirenes e sons de animais. Outros, preferem jogar com as luzes. Apagar as luzes da sala ou ter uma lâmpada colorida que mude o clima da sala inteira são formas de fazer os alunos prestarem atenção.


É importante dizer, no entanto, que essas formas de chamar a atenção podem ser prejudiciais em alguns casos. Por exemplo, se você tem algum aluno no espectro autista, ou algum aluno com epilepsia, mexer nas luzes pode fazer mal para ele.


O Blog da Faz Educação sempre se atualiza com o que há de mais recente na educação. Acompanhe!


Aproveite também o acesso liberado de todos os nossos Materiais Educativos Exclusivos!

685 visualizações0 comentário