5 brincadeiras para estimular a aprendizagem com segurança

Confira 5 brincadeiras que estimulam a aprendizagem e podem ser feitas em casa ou na escola, respeitando o distanciamento necessário.


Aulas on-line, retorno à sala de aula com distanciamento, crianças por mais tempo em casa: essa foi a realidade criada pela pandemia da COVID-19. Em meio a tantas mudanças, pais, professores e toda a equipe escolar se perguntam como continuar os processos de aprendizagem sem colocar a saúde das crianças em riscos.


Nesse quesito, as notícias são boas: jogos e brincadeiras de todos os tipos podem ser feitos a distância, e mesmo on-line, para estimular a convivência, a socialização, a memória, a concentração, etc. Continue lendo para saber mais!


5 jogos e brincadeiras que reforçam a aprendizagem com segurança


Os jogos e brincadeiras abaixo são simples, e podem ser feitos em sala de aula ou em casa – e, alguns, em ambientes virtuais.


Conheça alguns recursos tecnológicos que podem ser usados para continuar os processos de aprendizagem!


Todos estimulam a aprendizagem e o crescimento de algum modo, mas você pode incrementá-los com temas e assuntos que as crianças estão aprendendo na escola. E, também, é possível adaptá-los para diferentes faixas etárias.


1. Bambolê


O bambolê faz sucesso em diversas faixas etárias e só precisa ter seu tamanho adaptado para que crianças de 5 até 10 anos possam brincar com facilidade.


Essa pode ser uma brincadeira individual, em que a criança conta por quanto tempo consegue rodá-lo; uma competição, para ver quem consegue rodar por mais tempo; ou um jogo em duplas, em que as crianças passam o bambolê umas para as outras.


2. Corrida de obstáculos


Essa é uma ótima opção para escolas que precisam fazer mais aulas ao ar livre, agora. Monte uma corrida de obstáculos na quadra ou no pátio, que deve ser percorrida por uma criança de cada vez.


Vence quem passar por todos os obstáculos mais rápido. E que não se esquecer de passar álcool gel nas mãos logo depois de terminar!


3. Caça ao tesouro


Caça ao tesouro é uma brincadeira muito versátil, que pode ser feita em casa ou na escola, com turmas grandes ou com uma só criança.


A família pode estimular a aprendizagem com brincadeiras simples no dia a dia!


A ideia é esconder objetos e dar pistas para que as crianças o encontrem. Quanto mais crianças houverem, mais as pistas devem ser espalhadas para manter o distanciamento.


Uma outra ideia, especial para crianças pequenas, é uma caça ao tesouro sensorial. Você pode criar uma lista com tipos de objetos para elas encontrarem. Por exemplo, um objeto gelado, um objeto peludo, um objeto de madeira... quem encontrar todos, é o vencedor.


4. Mímica


Quem tem crianças em casa ou trabalha diretamente com crianças sabe que mímica é sempre uma grande diversão para os pequenos. Eles adoram adivinhar objetos, profissões, desenhos e, especialmente, animais por meio de mímica.


A brincadeira também pode ser adaptada para todo tipo de situação. Você pode escolher um tema, fazer equipes, decidir que todas as respostas são em inglês, etc. Ela pode, inclusive, ser jogada em uma aula on-line! Encontre a melhor maneira de estimular a aprendizagem de acordo com a faixa etária da criança.


Assim como esse jogo, muitas metodologias ativas podem ser trabalhadas a distância!


5. Stop!


Uma brincadeira clássica da infância há muitas gerações, Stop é chamado de adedonha em algumas regiões do país. O nome muda, mas as regras são iguais: com pelo menos três pessoas, cada uma deve ter um papel e uma caneta.


No papel, todos farão colunas dividas com temas, como nome, comida, cidade, filme, etc. Uma pessoa conta o alfabeto silenciosamente e outra diz “stop!”. A letra em que parar será a letra da rodada. Todos começam a preencher as colunas com palavras que comecem com aquela letra. Quem terminar primeiro diz “stop!”, e todos param de escrever.


Depois, os pontos são contados de acordo com as palavras escolhidas. Se alguém escreveu uma palavra que ninguém mais escreveu, ganha 10 pontos. Palavras repetidas ganham 5. E quem não encontrou palavras para alguma coluna, fica com 0 pontos. Ganha quem somar mais pontos.


Esse é mais um jogo que pode ser jogado on-line, por meio de sites e aplicativos!


Jogos e brincadeiras estimulam a aprendizagem, diminuem o tédio dos pequenos e criam interações importantes durante o distanciamento. Não deixe de apostar neles!


Continue no blog da Faz Educação para mais dicas educativas!


Aproveite e baixe gratuitamente o nosso eBook As novas Tecnologias para o Novo Normal da Educação!

86 visualizações

© Copyright 2017 - 2019 | Faz Educação & Tecnologia