Acessibilidade e tecnologia em sala de aula

Atualizado: Mar 4

Você sabe como aliar acessibilidade e tecnologia para engajar os alunos e atender as necessidades especiais? Confira o post para conhecer!

Nos últimos anos, percebemos uma série de mudanças na educação. Uma delas é a consciência de que os alunos possuem necessidades diferentes e que elas precisam ser atendidas. Outro fato importante é a utilização cada vez mais frequente da informática nas escolas. O que talvez algumas pessoas não tenham notado é a possibilidade de unir essas duas tendências e aliar acessibilidade e tecnologia na sala de aula.


E você, já tinha pensando nisso? Conhece as ferramentas tecnológicas que têm sido desenvolvidas para favorecer a aprendizagem de alunos com necessidades especiais? Então, confira este post para saber mais sobre esse assunto!

Tecnologia: uma ferramenta importante para a aprendizagem

Sabemos que as escolas lidam hoje com crianças que já nasceram em um mundo digital. Embora nem todos os alunos tenham acesso a todas as tecnologias disponíveis, especialmente devido a fatores socioeconômicos, o fato é que ela desperta um grande interesse nos estudantes.


E como todo educador sabe, desejo e interesse são grandes potencializadores da aprendizagem. Quando a criança se sente envolvida pela forma como um conteúdo é apresentado, suas chances de obter um bom rendimento escolar se tornam muito maiores.


Por esse motivo, estão surgindo diversos recursos educacionais tecnológicos. Em muitos casos, eles utilizam princípios como a gamificação para desafiar, entreter e favorecer a compreensão de temas escolares. Quando bem usados, garantem excelentes resultados não só para os estudantes com deficiência ou dificuldade de aprendizagem, mas para todos.


Esses recursos têm ainda uma outra característica essencial para aliar acessibilidade e tecnologia: a personalização. Por meio da inteligência artificial, algumas dessas ferramentas conseguem identificar o nível de aprendizagem de cada estudante e propor desafios que elas conseguem alcançar, permitindo que ele progrida em seu próprio ritmo.


Porém, além dessa adaptabilidade de plataformas, existem outros recursos que estão sendo desenvolvidos para aliar acessibilidade e tecnologia. Conheça algumas opções!


Acessibilidade e tecnologia: soluções para a sala de aula


Livros em áudio


Nas escolas, os livros didáticos e paradidáticos estão entre os recursos pedagógicos mais utilizados. Eles servem não só para transmitir conhecimento, mas também para provocar reflexão, ampliar o vocabulário, desenvolver a imaginação e muitas outras habilidades linguísticas.


No entanto, alunos com dificuldade visual nem sempre conseguem livros acessíveis. Não são muitas as bibliotecas que possuem livros em braille, e geralmente a variedade de títulos disponíveis é limitada. Uma das maneiras mais simples de solucionar o problema é oferecer o texto por meio de audiolivros.


É possível beneficiar muitas crianças e adolescentes com essa tecnologia tão simples. Os diversos formatos de áudio que a tecnologia proporciona facilitam o compartilhamento desse tipo de conteúdo, o que é essencial para engajar e facilitar a aprendizagem de alunos com deficiência visual.


Impressora 3D


Ainda falando dos deficientes visuais, uma outra tecnologia pode facilitar sua aprendizagem é a impressão 3D, que facilita a criação de livros em braille ou permite a transformação de figuras em objetos táteis.


Portanto, se essa tecnologia for incorporada às escolas com maior frequência, será possível proporcionar uma experiência melhor aos deficientes visuais em sala de aula. Aliás, mesmo os alunos que não possuem nenhum tipo de deficiência podem se beneficiar com o uso de modelos e maquetes.


Aplicativos


A quantidade de aplicativos cresce em grande velocidade e é interessante observar como muitos deles são desenvolvidos para facilitar o dia a dia de pessoas com deficiência. Soluções simples permitem que pessoas se comuniquem ou tenham acesso à informação com comandos de toque e voz.


Com o Google Docs no Chrome, por exemplo, a pessoa consegue digitar por voz. Existem também teclados alternativos para quem encontra dificuldade para usar os convencionais. Mesas digitais permitem interagir com o conteúdo por meio do toque, além de muitos outros recursos que facilitam a inclusão.


Ainda em relação aos aplicativos, existe uma ferramenta muito útil para facilitar não só a aprendizagem, mas a própria comunicação com os surdos. O Handtalk consegue traduzir qualquer palavra ou frase do português para Libras.


Além do surgimento de recursos que aliam acessibilidade e tecnologia para favorecer a aprendizagem, existe outra boa notícia. Manter e ampliar programas que promovem o desenvolvimento dessas ferramentas é uma das metas do Plano Nacional da Educação.

Portanto, vale a pena conhecer essas possibilidades e buscar apoio em sua diretoria de ensino para implementá-las. Esse é um esforço que precisa ser feito por escolas e órgãos do governo a fim de garantir o acesso e estimular a permanência dos alunos com deficiência no sistema de ensino.


Aproveite e veja também o Faz Responde sobre o uso da tecnologia na sala de aula:


0 visualização

© Copyright 2017 - 2019 | Faz Educação & Tecnologia