Cultura digital e BNCC: você já adequou as suas aulas?

A cultura digital está presente na BNCC - Base Nacional Comum Curricular - como uma proposta de tornar a escola mais íntima da sociedade e do tempo atual.

Mais do que uma simples atualização do que é a educação: a cultura digital já faz parte do que fazemos em nosso dia a dia enquanto professores e, agora, também faz parte das normas que regem a educação básica brasileira por meio da BNCC.


Conheça, hoje, o que a BNCC traz, exatamente, quando trata da cultura digital enquanto uma das suas competências!


Saiba mais: Acolhimento: a ferramenta da BNCC na Educação Especial!


BNCC e cultura digital: deu match?


A estrutura da BNCC é formada por 10 competências gerais e em seu item 5, que tem como a tecnologia em seu foco, é taxativa: é essencial torná-la presente em sala de aula, para o desenvolvimento dos alunos e para o desenvolvimento da sociedade.


Essa competência trata da forma como a tecnologia deve ser utilizada em sala de aula e traz em seu texto o seguinte: os alunos devem compreender as tecnologias, criá-las e usá-las de forma reflexiva, crítica e, sobretudo, significativa, seja para se comunicar, acessar informações e disseminá-las, produzir conhecimentos, ser protagonista e autor de sua vida pessoal e comunitária.


Assim, a BNCC traz a cultura digital como uma de suas competências focando nos recursos tecnológicos que podem ser utilizados em sala de aula, na vida particular e pública e, sobretudo, na forma crítica e consciente de utilizá-los.


Saiba mais: BNCC e Ensino Médio: como se adequar?


Sua maior ambição é criar uma sociedade mais autônoma frente aos recursos tecnológicos, que podem ser utilizados como forma de melhorar a nossa vida comunitária, nossa vida particular e, ainda, desenvolver soluções simples e que possam ser amplificadas para que os problemas da nossa sociedade também possam ser solucionados.


Ainda, visa que os alunos possam produzir conhecimentos e pulverizá-los pelo mundo, criando uma comunidade virtual também mais engajada, empoderada em formas de conhecer e de disseminar conhecimentos, fortalecendo vínculos que são valiosos para quem se dedica a se educar e educar pessoas ao seu redor.


A decisão por incluir a cultura digital entre as competências da BNCC é, sem dúvida, uma forma de adequar a educação ao mundo em que vivemos hoje, e, ainda, educar as gerações vindouras.


Afinal, ainda que a criança nasça, hoje, imersa em uma cultura digital, vale lembrar que se trata de um ser humano em formação e que, portanto, necessita de amparo, cuidado e acompanhamento constantes, sendo a sala de aula o ambiente de excelência para isso acontecer.


Saiba mais: BNCC: conheça o novo norte para a Educação Infantil!


O que fazer para que a cultura digital esteja presente em nossas salas de aula?


Com a pandemia causada pelo novo Coronavírus, o ensino remoto e o uso de tecnologias para que a educação pudesse acontecer, foram a tônica do último ano quando observamos a educação.


No entanto, sabemos que dentro da sala de aula nem sempre foi assim e que são muitas as escolas brasileiras que ainda lutam para ter o básico quando se trata de informatização e que o que dispomos nem sempre é suficiente para atendermos às demandas dos nossos alunos.


Ainda assim, vencidos os desafios físicos, ainda resta outro ponto: o que, como e quando ensinar tecnologia para nossos alunos?


Sendo essa uma competência da BNCC, esforços terão de ser reunidos para que possamos atender à Base em sua completude, incluindo a educação tecnológica e a cultura digital.


Assim, o que podemos ensinar?


Saiba mais: BNCC para o Ensino Fundamental: confira os principais aspectos!


Programação


As aulas de programação são, certamente, uma forma de utilizar a lógica oriunda das aulas de matemática para a resolução de problemas que e sociedade nos coloca o tempo todo e que a própria escola pode ter.


Além disso, a programação contribui com o atendimento da vida profissional do aluno, capacitando-o em uma das áreas que mais apresenta carência de bons profissionais.


Saiba mais: Como ter ideias infinitas para aulas criativas?


Web design e arte gráfica


Utilizar as tecnologias para fazer arte e aplicá-la a websites e a outros produtos digitais também é uma forma de fazer com que a educação caminhe lado a lado com o futuro da sociedade, além de contribuir com uma formação profissional para o aluno.


Saiba mais: BNCC: revisão curricular e replanejamento do ano letivo em tempos de pandemia!


Esse artigo te ajudou? Compartilhe com um amigo e pesquise outros temas no Blog da Faz Educação!


Aproveite hoje o acesso liberado de todos o nossos Materiais Educativos gratuitamente!

222 visualizações0 comentário